TELEFONE :

(43) 99926-0980 | 43 3424-5251

E-MAIL :

catedralapucarana@diocesedeapucarana.com.br

“Mas a água que Eu lhe der virá a ser nele fonte de água, que jorrará até a vida eterna.” (João 4, 14)
Entre os dias 17 e 21 de julho, nós, os sacerdotes da Diocese de Apucarana estaremos reunidos em Retiro Espiritual, sob a orientação do Cardeal Dom Odilo Pedro Scherer, Arcebispo Metropolitano da cidade de São Paulo.

O Retiro dos presbíteros é necessário para que possamos, isolados de nosso rebanho e longe das preocupações e trabalhos diários, voltarmos nosso olhar para nós mesmos e termos um reencontro com nossa própria vida vocacional, revivendo o nosso chamado, num momento de profunda intimidade com Cristo, que É a Fonte de toda Vocação e razão da nossa missão.

Seja no silêncio meditativo da Palavra ou através de palestras e aconselhamentos, estaremos retirados do mundo, para nos colocarmos diante da grandeza Deus com nossa pequenez humana. Pode parecer até algo incompreensível para o povo que nos vê sempre rodeados de gente, tão perto de Jesus Eucarístico, celebrando Sacramentos, atendendo as pessoas, presentes em tantos lugares, com palavras de consolo e, aparentemente incansáveis diante da administração paroquial e diocesana ou então, em inúmeros encontros com autoridades, agentes de pastorais e coordenadores diversos, em comemorações municipais que exigem nossa presença, enfim, soa estranho que nós, ministros ordenados, chamados a sermos guia do rebanho do Senhor, precisemos retirar-nos para reabastecermos nossa vida espiritual.

Todos temos nossas necessidades pessoais, altos e baixos e, conosco, os sacerdotes, não é diferente. Somos humanos e falíveis, necessitados de pausas e interiorização, direcionamento espiritual e reabastecimento da chama do amor que brota do Coração de Jesus. Diuturnamente, em poucos minutos, passamos da alegria da celebração de Batizados e Casamentos à tristeza junto aos que sofrem a dor do luto; dos encontros festivos aos chamados urgentes vindos dos prontos-socorros e UTIs; do descanso necessário após um dia repleto de direcionamentos espirituais aos atendimentos urgentes no meio da noite, e tantos outros fatos, escondidos nos ‘bastidores’ da casa paroquial. Fomos chamados ao sacerdócio, não por mérito próprio, longe disso, mas por Dom e Graça de Deus que infundiu em nossos corações essa vocação exigente e sublime, de uma beleza ímpar, indescritível e exigente, que requer dedicação total: vivermos para Cristo, edificados em sua Palavra, alimentados pela Eucaristia e buscando o Reino de Deus.

O nosso sim a Deus nos faz responsáveis pela missão evangelizadora onde formos designados, cercados por leigos de boa vontade que nos auxiliam e, principalmente, sustentados pelas orações do povo de Deus e pelas Mãos de Cristo, o Sumo Sacerdote, que caminha conosco.

Pelo povo de Deus, pela Igreja e pela nossa missão, vamos nos retirar para mergulharmos na Fonte Eterna de Água Viva, para reavivar em nós, pobres padres, a Chama que faz arder o nosso coração e impulsiona nossos pés a caminharem em direção ao povo de Deus a nós confiado. Queridos irmãos diocesanos, roguem por nós sacerdotes de Cristo, colocando-nos no Coração Imaculado da Senhora de Lourdes.

+Dom Carlos José
Bispo da Diocese de Apucarana – Paraná

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *